O Grande dia, quando será?

Compartilhe:
No momento em que você segurou o teste de farmácia nas mãos ou viu o positivo no exame de sangue seu coração palpitou e logo em seguida uma enxurrada de sentimentos tomou conta: Grávida! Mãe!Durante toda a gestação você preparou o ninho para receber um novo ser e agora não vê a hora de tê-lo em seus braços, ver seu rostinho. Você fez exercícios, pesquisou, se informou, se empoderou para o grande dia! Mas quando será esse grande dia? O que fazer se a ansiedade bater?

Deixa minha perereca em paz!

Uma das coisas que mais incomodam quando as 40 semanas se aproximam é ouvir todos os dias as mesmas perguntas:

Mas ainda não nasceu?? Não vai passar da hora não? Não é melhor marcar uma cesárea logo?

Portanto uma das primeiras coisas a fazer desde o início da gestação é mentir a data provável do nascimento e jogar pra vinte dias depois! Pode parecer insensível, mas sem dúvidas vai ajudar a diminuir os comentários desagradáveis que só fazem a ansiedade aumentar nos últimos dias de gestação.

Claro que você é a pessoa que mais quer ver a cor dos olhinhos do seu bebê, e pode até dar vontade de antecipar o nascimento, mas alto lá! Mantenha a calma: uma gestação pode chegar até 42 semanas de duração e cada dia a mais que seu bebê vive dentro do seu ventre, vai fazer com que ele tenha sua estreia aqui do lado de fora desse mundão de forma saudável e plena!

Se sua gestação for de alto risco e houver alguma indicação de indução antes desse período, converse com seu médico!

Aguenta coração…

Algumas atividades podem auxiliar a encarar essa reta final de forma mais leve e agradável:

    1. Movimente-se

Exercitar-se trás vários benefícios para o momento do parto além de auxiliar na produção de hormônios de bem estar e felicidade. Fazer uma caminhada diária, exercícios de alongamento. Yoga pode ser uma boa pedida para fortalecer o corpo, alongar e de quebra criar uma conexão maior consigo mesma.

    1. Fuja de pessoas negativas e histórias trágicas

A palavra da vez é POSITIVIDADE! Manter bons pensamentos, conversas edificantes e otimismo trazem tranquilidade e confiança, tão importantes nesse momento!

    1. Relaxe

Curtir uma sombra ao ar livre, uma praia ou uma massagem em um spa. Tranquilizar o corpo e a mente para deixar fluir o processo.

    1. Esqueça um pouco o papo de parto

Você leu a gestação toda sobre parto, exercícios, posições, etc. Que tal mudar o foco? Procure outros assuntos que sempre lhe chamaram a atenção antes da gestação ou até mesmo coisas novas que nunca lhe passaram pela cabeça! Leia um livro!

    1. Conte uma história

Escreva uma carta para o seu bebê contando como foi sua vida até agora. Reveja as fotos do fundo do baú e revele aquelas que contam sua história. Crie uma cápsula do tempo!

    1. Um programa por dia

Um jantar romântico com o parceiro, um cinema com as amigas, um café da tarde com a Mãe ou um parente querido. Crie momentos para conversar e se distrair.

    1. Faça o que gosta

O que te deixa feliz? Procure atividades que te tragam momentos de alegria e te façam sentir-se bem.

    1. Planeje o pós parto

Poucas pessoas pensam nisso, mas planejar o pós parto sem dúvidas vai ajudá-la a enfrentar essa nova fase com mais tranquilidade e menos estresse. Com quem você pode contar pra te dar uma mão? Quem faz parte da sua rede de apoio que poderá lhe fazer uma comida ou segurar seu bebê para você tomar um bom banho? Deixar alguns pratos congelados para os primeiros dias pode ser uma boa pedida.

    1. O que falta para a chegada do bebê?

Faça um check-list com tudo o que você ainda precisa organizar ou o que precisa estar pronto para o nascimento do bebê.

    1. Namore muito!

Disposição pode não ser o que sobra em você nesse momento, mas investir nas carícias e no sexo sem dúvidas vai te ajudar a relaxar, sem contar na prostaglandina encontrada no sêmen que vai ajudar seu colo do útero à se preparar para o parto! Se entregue!

  1. Induções naturais do parto

Converse com sua Doula sobre quais os métodos podem ser utilizados para dar um leve empurrãozinho no bebê! Um chá da Naoli ou chá de canela aliado à alguns exercícios podem desencadear o processo do trabalho de parto! Vale tentar…

Pixabay

Você chegou até aqui, e por mais longa que a reta final pareça ser, ela vai acabar com seu bebê nos braços! Chore o que tiver pra chorar, fale o que tiver pra falar, converse com seu bebê! Abra seu coração pra ele e permita que ele permaneça no seu ventre pelo tempo que tiver de permanecer. Respire e relaxe!

 

Quer saber mais sobre estratégias para aliviar a ansiedade? Fale comigo aqui!

 

Referências Bibliográficas:

Estudando a gravidez prolongada em http://estudamelania.blogspot.com/2012/08/estudando-gravidez-prolongada.html?q=42+semanas

Funcionamento sexual feminino e exposição corporal na gravidez de termo em https://repositorio.ul.pt/handle/10451/5533

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.