Introdução alimentar infantil de sucesso

Compartilhe:

Quando o filho nasce, o primeiro alimento dele é o leite materno. Isso deve durar por 6 meses de forma exclusiva. Após os 6 meses o bebe inicia a introdução alimentar.

O ideal é que essa primeira dieta seja o leite materno em livre demanda direto da fonte (peito) e até os 6 meses. Nesse período não se deve dar nenhum outro alimento dele.

Muito comum na nossa sociedade, porém, é o uso de chás, água e outros. Mas isso não deve ser feito, já que o bebê ainda não tem maturidade para digerir esses alimentos.

Caso o bebe PRECISE de leite artificial aí sim, deve-se oferecer a ele também a água entre uma mamada e outra.

 

O que é a introdução alimentar?

Introdução alimentar, filho, Criança
Fonte: https://pixabay.com/pt/photos/beb%C3%AA-comer-estreias-alimentos-2423896/

A introdução alimentar deve ser iniciada somente após os 6 meses de idade do seu filho. E consiste na APRESENTAÇÃO dos alimentos sólidos a eles. Nessa primeira fase o objetivo é apresentar mesmo, não adianta se desesperar porque o seu filho come “pouco”. É assim mesmo, ele está conhecendo os novos sabores e precisa de um tempo para fazer isso. Lembre-se, até 1 ano de idade o leite materno ainda é o principal alimento dessa criança.

 

Como ter sucesso nessa fase?

Introdução alimentar, filho, Criança
Fonte: https://pixabay.com/pt/photos/beb%C3%AA-mordida-menino-crian%C3%A7a-bonito-84686/

Alguns estudos indicam começar a introdução alimentar pelas frutas, outros pelas verduras e legumes. Alguns indicam amassar as frutas e verduras enquanto outros indicam oferecer os pedaços grandes as crianças…

Cada criança vai responder de uma maneira diferente a cada estímulo. Umas irão preferir comer amassadinho na colher enquanto outras preferirão os pedaços grandes do método BLW.

A minha primeira dica é ofereça e observe o que você se sente mais seguro(a) e o que seu filho prefere.

A segunda dica é NÃO adoçar as comidinhas. Não caiam nessas de “só um pouquinho” ou” ele está passando vontade”. O bebe não conhece o doce e, portanto, não sente falta. Agora, se ele conhecer… Vai querer sempre. E tirar um hábito ruim depois é muito mais difícil. Melhor construir bons hábitos desde cedo.

A terceira dica seria começar pelos legumes e/ou sopas. Nesse caso vale a dica de cima. Não precisa salgar. Tempera com azeite e outros temperos naturais (num segundo momento) mas sempre pouco. No início da introdução alimentar é interessante um sabor por vez para que ele sinta, conheça e acostume. Além de observar se terá alguma reação alérgica.

 

Porque começar pelos legumes e não pelas frutas?

Introdução alimentar, filho, Criança
Fonte: https://pixabay.com/pt/photos/piquenique-beb%C3%AA-comer-bonito-2659208/

Simples. Fruta é doce e doce é mais fácil de agradar o paladar de todo mundo.

Os bebes estão tendo o seu primeiro contato (fora da barriga da mãe) com esses alimentos. O que apresentarmos eles irão aceitar. Alguns mais facilmente outros não.  Lembre-se, cada criança é um mundo a parte. Não se cobre e não desista. Vai valer a pena.

 

Fontes:

Impactos da implementação dos dez passos da alimentação saudável para crianças: ensaio de campo randomizado

Conhecendo a captação de informações de mães sobre cuidados com o bebê na estratégia Saúde da Família

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.