A Nutri virou Doula

Compartilhe:

Me chamo Ariane Cândido Pereira Melo, tenho 28 anos, sou casada com o Michel o ser mais iluminado e abençoado que eu conheço, sou a caçula dos meus pais. Falando neles, meu pai se chama Severino é caminhoneiro e minha mãe se chama Maria Aparecida é artesã e do lar.

Meus Pais (Arquivo pessoal)

Lembro nitidamente quando criança, que não podia ver uma grávida que já corria pra alisar a barriga, na minha adolescência era a mesma coisa.No 2° ano do ensino médio, lembro que falei para os meus pais que queria fazer faculdade e já tinha até o curso Nutrição, como cheguei nessa escolha não sei.
Ao cursar Nutrição me apaixonei, uma matéria que meus olhos brilharam foi Nutrição Materno Infantil, daí pronto já tinha até meu tema de TCC. Mas nem tudo é como queremos tive que ir para outro tema, vi minha realidade em outro patamar.

Vida de Adulta

Me formei, comecei a trabalhar na área, me casei, iniciei especialização e vida que segue. Fui contratada para trabalhar em uma unidade de pronto atendimento, confesso que tive medo mas, fui com medo mesmo; lembro que pra entrar na sala de emergência era um custo mas entrava. Aprendi muito, vi muita coisa tanto boa quanto ruim.

Em 2014 vi uma série que me apresentou a Doula, daí foi paixão a primeira vista, comecei ler tudo sobre, como assim alguém pra te apoiar isso existe?! Na minha cabeça seria mãe em 2017 e já queria uma doula comigo, tudo certo hahaha bobinha eu.
Só que nem tudo são flores aos 24 anos descobri uma doença, que tardaria o meu sonho de ser mãe, e com ela surgiu a Ariane com uma força que nem eu e nem todos a minha volta nunca imaginaram existir.
Fui atrás do curso de Doula, quase tudo certo, mas surgiu o vestibular na faculdade da minha cidade onde me inscrevi para enfermagem, já estava apaixonada por tal área, e nessa oportunidade vi uma grande porta se abrir para eu fazer a diferença, não só no meu círculo de amizades, mas em pessoas desconhecidas, com maior intuito em mulheres.

Campanha de Vacinação – 2017 (Arquivo pessoal)

O sonho se tornou realidade

O curso de Doula ficou guardadinho no meu coração, na graduação de enfermagem vieram os pingos nos “is”, onde eu tive a certeza que tinha feito mais uma escolha certa.
Após tudo isso passado me vejo mais madura, mais certa das minhas escolhas e mais preparada para fazer o curso de Doula.
Onde ganhei o mesmo de presente do meu pai, pois TODOS em minha volta sabe do meu amor por tal área, eu deixo bem escancarado a minha bandeira pelos direitos das mulheres.

Curso de Doula (Arquivo pessoal)

Sobre o curso eu não tenho palavras para descrever o quão importante foi pra mim, o quão realizador foi.
Hoje mais do que nunca tenho a certeza que nasci pra doular, independente da minha formação.

Curso de Doula (Arquivo pessoal)

Depois de tudo vivido sinto que esse é o momento certo com as informações certas.

Apesar de iniciante nessa área, quero fazer a diferença nas vidas que ajudarei, e que me ajudaram a ser uma pessoa melhor.
Assim termino meu post com a palavra GRATIDÃO, por tudo que Deus e a vida me proporcionou até aqui.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.