Durante o parto podemos ver o bebê nascendo?

Compartilhe:

Muitas mulheres não tiveram a oportunidade de ver o bebê nascendo. Algumas não tinham conhecimento que poderiam ter esse momento ou  quando solicitado, a equipe não permitiu.

  • Veja dicas de como tornar possível esse momento, seja no parto normal ou na cesárea, a mulher poderá ver o seu filho(a) chegando ao mundo.
Mãe com bebê imediatamente após o nascimento. O nascimento da Alice.                              Foto: arquivo pessoal.

 

Como ver o bebê?

No parto normal incentivamos que o nascimento ocorra na posição verticalizada, na banqueta de parto por exemplo. Mas o ideal é que a mulher decida a posição que ela se sentir mais confortável e a equipe se adequará para prestar assistência.

Para a parturiente enxergar o momento que o bebê está nascendo podemos posicionar um espelho e assim à mulher enxergará o exato momento que a cabeça do bebê coroar. Isso inclusive poderá ser um animo naquele momento.

É comum acharmos que não vamos conseguir,e ver que o nosso filho(a) está tão próximo de nascer será um grande incentivo. 

Se a mulher se sentir à vontade pode inclusive se tocar e sentir a cabeça do bebê coroando e palpar seus cabelinhos. Cada detalhe é importante e poder sentir todas essas experiências é emocionante.

Quando a cesárea acontece a mulher também têm possibilidade de ver o momento que seu filho(a) chega ao mundo. Muitas equipes têm adotado novas práticas na cesárea, tornando o momento menos tenso e mais humanizado e diminuindo a separação entre mãe e bebê.

Abaixar o campo de proteção no momento em que o bebê é retirado da barriga,permite a mulher ver o seu filho(a) sendo entregue em seus braços. 

O nascimento da Alice. Cesárea intra-parto.
Mãe: Valdriana Dondoni Guedes –
foto: arq.pessoal.

Algumas equipes têm inclinado a cabeça da mulher e abaixado o campo de proteção no momento que o bebê é retirado, possibilitando assim uma visibilidade melhor daquele momento.

Não amarrarem os braços da mulher também é importante ,pois assim ela se senti mais livre e poderá tocar seu bebê imediatamente.

O contato pele a pele ( não pano com pano ) também deve ser incentivado na cesárea,dentre outras recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde, como o corte tardio do cordão umbilical e amamentação na primeira hora de vida.

Quando o recém-nascido não necessitou de atendimento específico o melhor é que ele fique em contato com a mãe.Independente se foi parto normal ou cesárea,algumas avaliações podem aguardar.

O teste de Apgar por exemplo,pode ser realizado com o recém-nascido no colo da mãe. Afinal é uma avaliação do bem-estar do bebê onde é necessário apenas observar o recém-nascido.

Cuidados com o bebê
Créditos:Wikimedia.com – Pediatra avaliando recém-nascido no colo da mãe.

Como garantir que esse desejo seja cumprido?

Hoje em dia muitas gestantes têm elaborado o Plano de parto. 

Através dessa ferramenta podem-se abordar alguns pontos que fazem a diferença na experiência desse momento na vida da gestante ou casal. 

A gestante pode escrever no plano de parto o seu desejo em ver o momento que o bebê está nascendo, seja através de um espelho, ou para abaixarem o campo de proteção durante na cesárea.

Mas infelizmente nunca teremos garantia que todos nossos desejam sejam seguidos, não somente por conta do decorrer do parto, mas também por depender muito da equipe e dos protocolos daquele hospital ou maternidade escolhidos.

Uma equipe que atua em prol de uma assistência humanizada e busca acolher os anseios do casal, geralmente trabalham em conjunto com o todos os profissionais para chegar numa assistência de qualidade e segurança.

Plano de parto Artemis
Imagem de alguns dos itens do plano de parto da Artemis

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Plano de parto não serve apenas para o trabalho de parto. Neste documento a gestante ou casal também expressam as preferências sobre os cuidados com o bebê.

Quando estamos grávidas ficamos imaginando como será o rostinho do nosso bebê. O momento que mãe e bebê se conhecem e se olham pela primeira vez serão lembrados pelo resto de nossas vidas. 

Vários hormônios influenciam nos primeiros momentos do nascimento. Um desses hormônios é a ocitocina,chamada também do hormônio do AMOR.

O primeiro momento entre mãe e bebê é chamado de IMPRINTING.

Ou seja, a primeira impressão,o primeiro olhar…

Tudo isso é importantíssimo para o início da vida do bebê e no vínculo entre mãe e bebê.

É fundamental discutir a possibilidade de ver o bebê nascendo e tê-lo próximo da mãe o mais breve possível. Conversem com o profissional que te acompanha,visitem o local do parto,certifiquem-se que a maternidade acolhe o plano de parto para discutir. Solicitem que uma cópia seja anexada ao seu prontuário no momento da sua internação. Um conjunto de ações que com certeza contribuíra para uma vivência mais positiva desse processo.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde incentivam a elaboração do plano de parto. As equipes devem avaliar e discutir junto à gestante ou casal as possibilidades de tornar possível os desejos e preferências colocados no documento.

REFERÊNCIAS:

LEITURAS COMPLEMENTARES:

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.