Quando e Como Nascem Os Brasileiros?

Compartilhe:

A divulgação dos gráficos de Registro Civil da Fundação Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados) de São Paulo é um espelho da realidade de todo o Brasil. Eles nos permitem visualizar de forma clara como estão escolhendo o dia, a hora e a forma de nascer da maioria dos brasileiros.

Horário do Parto (em % do total de cada tipo de parto) Imagem Jornal Nexo

O agrupamento da maior parte dos nascimentos via cesarianas nos dias de semana e nos horários “comerciais” é um indicativo de que não são os bebês que estão escolhendo quando vão nascer.

Partos por dia da semana (em relação à média de cada tipo) Imagem Jornal Nexo

Há um boom de nascimentos via cesariana antes dos feriados e uma queda durante os feriados, conforme é possível identificar nesses gráficos:

Partos por dia do ano (em relação ao valor esperado) Imagem Jornal Nexo
Imagem Jornal Nexo

A pesquisa Nascer no Brasil, da FIOCRUZ aponta que quase 70% das brasileiras deseja um parto normal no início da gravidez. Entretanto, poucas são apoiadas em sua preferência pelo parto normal. Este dado, comparado ao percentual de nascimentos por parto normal no Brasil, que é de 52,%, deixa explícito que as mulheres são persuadidas – ou pela assistência ou pelos relatos de violência obstétrica – a “escolherem” a cesárea.

“Há certamente uma influência do pré-natal na decisão das mulheres pelo tipo de parto, mas as amigas e os familiares também influenciam. Não se pode, entretanto, deixar de destacar que é uma visão equivocada achar que a cesariana é a forma mais segura para parir”, explica a coordenadora da pesquisa, Maria do Carmo.

 

Então, se a Data Provável do seu Parto (DPP) cai perto de feriados como Carnaval ou datas comemorativas como Páscoa, Natal e Ano Novo, ligue logo o alerta caso o seu cuidador te sugira marcar uma cesariana um pouquinho antes dessas datas. Talvez ele use um daqueles falsos argumentos para cesarianas que já apontamos no texto As 10 principais justificativas para cesárea (e por que são falsas).

Seguimos! Para que mais mulheres possam fazer escolhas baseadas em evidências científicas!

Me acompanhe também por aqui: Gabriella Santoro Doula

Referências que embasaram esse texto:

Gráficos da Seade – https://www.nexojornal.com.br/grafico/2018/03/14/Quais-os-dias-e-hor%C3%A1rios-mais-frequentes-para-partos-normais-e-cesarianas

Pesquisa Nascer no Brasil, da FIOCRUZ – http://www6.ensp.fiocruz.br/nascerbrasil/principais-resultados2/

http://www.ensp.fiocruz.br/portal-ensp/informe/site/arquivos/anexos/nascerweb.pdf

Doulas recomendam:

Doular é a minha revolução: como a luta pela vida ... Sou Elis Teixeira, tenho 34 anos e há 3 anos renasci após um parto domiciliar que mudou completamente a minha vida. Sou formada em História e especial...
Meu trabalho é dar apoio emocional e eu amo muito ... "Todos os esforços devem ser feitos para assegurar que todas as mulheres em trabalho de parto recebam apoio, não apenas de pessoas próximas, mas també...
Parir, gozar e amar Você acredita que parto é sinônimo de sofrimento? Se a resposta foi sim, então vem comigo e vamos tentar entender e desconstruir esse conceito,  visua...
Meus Caminhos O INÍCIO DAS MINHAS LEMBRANÇAS Eu comecei a escrever esse texto em minha mente muitas vezes.... Mas não tinha coragem de colocá-lo no papel ou digi...
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *