O que é amamentação cruzada?

Compartilhe:

Você sabe o que é a amamentação cruzada? A amamentação cruzada é quando o bebê é amamentado no seio por outra mulher (lactante) que não a sua própria mãe.  Prática muito comum entre pessoas de uma mesma família, porém perigosa para a saúde do recém nascido e proibida por lei
VIII . Atribuições da equipe de saúde:
(…) f) proibir que as mães amamentem outros recém-nascidos que não os seus (amamentação cruzada);  MINISTÉRIO DA SAÚDE – GABINETE DO MINISTRO – PORTARIA N.° 1.016, DE 26 DE AGOSTO DE 1993 – DO 167, de 1/9/93


Onde mora o perigo da amamentação cruzada?

wikimedia commons

De acordo com a  pediatra do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz) Marlene Roque Assumpção o perigo é o bebê ser contaminado por uma doença infecto–contagiosa, como a Aids, que é uma doença crônica grave e ainda sem tratamento absoluto, sem cura. Por exemplo, se uma mãe tiver hepatite B em atividade, e doar leite a outro bebê, que não tenha ainda as doses da vacina suficientes (ou seja, não está totalmente imunizado), ela poderá passar a doença para a criança, através do leite materno, em caso de sangramento do mamilo  por trauma mamilar.

Em um estudo realizado pela Fundação Oswaldo Cruz no Ceará, com 120 mulheres, mostrou que o aleitamento cruzado foi praticado por 32 por cento das multíparas, predominantemente com parentes.  Isso demonstra que a informação não está chegando nas mulheres com a eficiência que deveria e que certos hábitos familiares não mudaram, desde a época das amas de leite do período colonial, de onde vem essa prática tão comum.

No artigo de CARULA, podemos entender um pouco desse capítulo ainda bem recente da nossa história enquanto civilização:
 “Em fins do Oitocentos, o aleitamento feito pela ama de leite continuou sendo o mais comum. Embora Carlos Costa (médico da época)defendesse veementemente o aleitamento materno, deixou que fosse publicado no periódico um anúncio dos produtos utilizados no aleitamento artificial. Interessante mencionar que a chamada do anúncio era “Ama de Leite”. Provavelmente com o intuito de atrair mais atenção da leitora, a publicidade afirmava que os produtos Nestlé serviam para dispensar as amas de leite. A propaganda divergia do que pregava o redator da folha, que defendia ser o aleitamento humano preferencial ao artificial.O texto na íntegra é bem interessante e vale a pena ler. (deixei lá nas referências pra você)

Leite humano é bom mesmo?

Para você entender a importância do leite, precisa entender o processo da amamentação. Primeiro aparece o colostro, que é aquele leite da primeira semana de vida é um leite diferente, específico, com teor alto de anticorpos. Todos os anticorpos que a mãe tem no organismo de todas as doenças que ela teve durante a sua vida, serão passados para o bebê através do leite. Ele é a primeira vacina do bebê. O primeiro leite da mãe que está amamentando um bebê prematuro é ainda mais importante, pois tem todos as defesas para o seu bebê, que é mais frágil.

Essa proteção somente o leite materno humano dá. Por isso que é importante estimular a amamentação assim que o bebê nasce, respeitando a  hora de ouro e estimulando o contato pele a pele. O leite materno é considerado pela OMS o alimento ideal para o recém nascido (RN), sempre disponível, à temperatura ideal e devidamente esterilizado, é o único específico para a espécie humana e constitui um dos investimentos mais eficazes e rentáveis que um país pode fazer em prol da saúde das suas crianças e da “saúde” da sua economia e sociedade.

Após essa primeira fase do colostro, mais ou menos depois de três dias, vem o leite propriamente dito. Ele vai sustentar e proteger seu filho, sendo sua única fonte de alimento até os seis meses de vida. Sem água, suco ou chás! Não é necessário ao bebê.

E o que fazer quando não consigo amamentar?

O correto é a mãe buscar auxílio profissional ou de um banco de leite próximo a sua residência para avaliar o que pode estar ocorrendo com o processo de amamentação e corrigir, caso precise. No Rio, existem 17 bancos de leite humano e no Brasil, 218.

Onde eu encontro um banco de leite?

No Estado do Rio de Janeiro, temos:

  • Instituto Fernandes Figueira, Av. Rui Barbosa, 716 , Térreo , Flamengo (referência para o Estado)
  • Hospital Central do Exército, Rua Francisco Manuel, 126 , Triagem.
  • Hospital Da Mulher Heloneida Studart, Av. Automóvel Clube , 00 , Lote 1745 , Jardim José Bonifácio/ São João de Meriti
  •  Hospital dos Plantadores de Cana, Avenida Dr. José Alves de Azevedo, 337 , Parque Rosário/ Campos Dos Goytacazes
  • Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, Avenida Washintgton Luiz, , BR 040 KM 109 , Jardim Primavera/ Duque De Caxias
  • Hospital Federal dos Servidores do Estado, Rua Sacadura Cabral, 178 , 2º andar , Centro.
  • Hospital Maternidade Alexander Fleming, Rua Jorge Schimidt, 331 , Marechal Hermes
  • Hospital Maternidade Carmela Dutra, Rua Aquidabã, 1.037 , Lins de Vasconcelos
  • Hospital Maternidade de Nova Friburgo, Travessa Antônio Fernandes Moreira, 12 , Centro/ Nova Friburgo
  • Hospital Maternidade Fernando Magalhães, Rua General José Cristino, 87 , São Cristóvão
  • Hospital Maternidade Herculano Pinheiro, Avenida Ministro Edgar Romero, 276 , Madureira
  • Hospital Municipal Lourenço Jorge/Maternidade Leila Diniz, Av. Ayrton Senna, 2.000 , Barra da Tijuca
  • Hospital Municipal Rocha Faria, Avenida Cesário de Melo, 3.215 , Campo Grande
  • Hospital São João Batista, Rua Nossa Senhora das Graças, 235 , Colina/ Volta Redonda
  • Hospital Unimed Petrópolis, Rua dos Expedicionários, 144 , Bingen
  • Hospital Universitário Antônio Pedro, Rua Marques de Paraná, 303 , Centro/ Niterói
  • Hospital Universitário Pedro Ernesto, Rua Manuel de Abreu, 500 , 3 andar , Vila Isabel
  • Maternidade Escola da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rua das Laranjeiras, 180 , Laranjeiras

Caso precise de mais ajuda e queira conversar, sou consultora em amamentação e estou a sua disposição. Me liga! (ou deixa um comentário aqui embaixo)

Referências

Os perigos da amamentação cruzada http://www.iff.fiocruz.br/index.php/8-noticias/221-perigosamamentacao

MINISTÉRIO DA SAÚDE – GABINETE DO MINISTRO – PORTARIA N.° 1.016, DE 26 DE AGOSTO DE 1993 – DO 167, de 1/9/93 http://sna.saude.gov.br/legisla/legisla/aloj_c/GM_P1016_93aloj_c.doc

Conhecimento sobre aleitamento materno de parturientes e prática de aleitamento cruzado na Unidade Hospitalar e Maternidade Venâncio Raimundo de Sousa Horizonte – Ceará https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/2338

Promoção da amamentação na primeira hora de vida https://comum.rcaap.pt/handle/10400.26/22155

Rede Brasileira de bancos de leite humano http://www.redeblh.fiocruz.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=360

Lista de bancos de leite rede BLH da região sudeste https://producao.redeblh.icict.fiocruz.br/portal_blh/enderecos.php?regiao=sudeste&idt_estado=21&lista_blh=sim

Perigosas amas de leite:
aleitamento materno,
ciência e escravidão em
A Mãi de Familia (leitura interessantíssima para entender muitos mitos que hoje vemos cair por terra)

https://www.redalyc.org/html/3861/386138072011/

 

Imagem em destaque: Flickr

Doulas recomendam:

Nascida pra cuidar e dar Colo pra Mãe Quem é, de onde vem? Fonte: arquivo pessoal Carioca da zona norte do Rio de Janeiro, nascida em uma família de origem nordestina e mineira, prati...
O que acontece com o corpo pós parto Você já parou para pensar por todo o processo que o seu corpo passa durante a gravidez, e que ele demora 9 meses nesse processo? São alterações hormon...
PLACENTOTERAPIA: Preparados terapêuticos com place... A placenta é um órgão que só existe durante a gestação. Fica pronta no final do primeiro trimestre e se vai após o parto, durando apenas o tempo neces...
Decifrando o Plano de Parto (parte II) Se você perdeu a parte I corre lá pra entender o que é o Plano de Parto e para que serve. Usando o plano de parto criado pela ONG Artemis em parcer...
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *