Minha barriga fica dura – O que é isso?

Compartilhe:

Muitas gestantes começam a sentir a barriga endurecer por volta da 20ª semana de gestação e se assustam pensando ser o início de um trabalho de parto prematuro ou se preocupam que algo possa estar errado com seus bebês.

Calma, são apenas as contrações de treinamento ou contrações de Braxton Hicks!

Minha barriga fica dura - O que é isso
Minha barriga fica dura – O que é isso

Braxton Hicks é uma contração irregular e indolor do útero, que normalmente  ocorre por volta da 20ª semana de gestação. Na verdade, podem começar até mesmo antes disso, porém com o útero menor a sensação da contração muscular não é tão clara assim. Algumas mulheres vão senti-las cedo, enquanto outras só a experimentarão mais tarde.

Por que elas ocorrem?

Alguns profissionais de saúde acreditam que as contrações de Braxton Hicks são uma maneira de o corpo se preparar para o trabalho de parto – ‘uma espécie de ginástica’ para os músculos uterinos, pra saber se tá tudo certo, tudo funcionando direitinho, bem preparado e treinado para, num futuro próximo, o bebê ser empurrado lindamente na direção do colo do útero para nascer.

Minha barriga fica dura - O que é isso
Contrações de Treinamento são um exercício do útero

Como identificá-las?

As contrações de Braxton Hicks são curtas e ocorrem em intervalos irregulares e imprevisíveis. Situações triviais podem desencadeá-las, tais como aumento da atividade física por parte da mãe ou do bebê, palpação do abdômen, relações sexuais, desidratação ou bexiga cheia.

Embora algumas mulheres sintam algum desconforto quando elas ocorrem, não são contrações doloridas como acontece no trabalho de parto. Essa é a diferença principal diferença: Braxton Hicks são contrações indolores e com frequência irregular.

Uma outra questão que diferencia as contrações de treinamento daquelas contrações “pra valer” do trabalho de parto é a localização da contração. Se você dividir sua barriga em quatro quadrantes, poderá perceber que uma contração de treinamento normalmente afeta apenas dois ou três quadrantes, enquanto na contração do trabalho de parto toda a barriga fica endurecida e não apenas parte dela.

Olha esse vídeo aqui bem explicativo:

Como descobrir se estou em trabalho de parto?

Muitas pessoas ficam em dúvida se está na hora de realmente ir para o hospital ou não, dentre tantos fatores, o Drº Alberto Guimarães apresenta a forma mais fácil de confirmar o trabalho de parto e se é hora de ir para o hospital! Tem alguma dúvida e quer que o Drº Alberto Guimarães responda? Escreva aqui nos comentários suas sugestões, fique à vontade! Lembre-se, QUEM ESCOLHE A HORA DE NASCER É O BEBÊ! #PartoSemMedo #PSM #DrAlbertoGuimaraes #PartoHumanizado #Humanizacao #NascerComAmor #NascerComRespeito #TrabalhoDeParto #PartoNatural #PartoNatural

Posted by Parto Sem Medo on Friday, March 2, 2018

 

As contrações de treinamento causam algum problema?

Sentir a barriga enrijecer é algo normal e até mesmo esperado na gestação, por isso não é motivo de preocupação.

O que devo fazer em caso de muito incômodo durante as contrações de treinamento?

Se quiser sentir menos desconforto ou apenas conferir se são as contrações de treinamento ou trabalho de parto, tente mudar a posição do seu corpo no momento em que senti-las. Se estiver sentada, tente se levantar e dar um passeio ou fazer uma leve caminhada. Normalmente a mudança de ritmo e postura faz com que o enrijecimento da barriga desapareça.

Beba um copo de água. As contrações de Braxton Hicks podem ser causadas por desidratação e garantir a hidratação na gestação é sempre válido. Como as contrações de treinamento também podem ser causadas pela bexiga cheia, então tente ir ao banheiro e fazer xixi.

Como saber se são as contrações de treinamento ou se são as contrações de trabalho de parto?

No final da gravidez, as contrações podem ser mais desconfortáveis. São os pródromos, sobre os quais você pode saber mais nesse texto aqui.

No trabalho de parto a percepção das contrações cresce, pois são mais fortes e tem um intervalo regular e mais próximas umas das outras. Para descobrir quais são os primeiros sinais do trabalho que você precisa observar, leia o excelente artigo da Samara aqui.

Caso sua experiência não se encaixe no que descrevemos aqui, ou mesmo se ainda se sentir insegura quanto à quaisquer sintomas, não exite em contatar seu cuidador médico(a), enfermeiro(a) obstétrico(a) ou obstetriz.

É isso, espero ter ajudado você a conhecer um pouquinho mais sobre a fisiologia da gestação e do parto. Quer saber mais sobre mim? Me acompanha aqui! Beijo Beijo

Gabriella Santoro – Doula e Educadora Perinatal

Doulas recomendam:

Aleitamento Materno, dicas para o sucesso na amame... A Amamentação, ou Aleitamento Materno, é a melhor e mais rica fonte de nutrição do bebê. Além de alimentar, o leite materno funciona como uma vacina, ...
Episiotomia: só um cortinho? Episiotomia é o nome que se dá a uma incisão feita na região do períneo (área muscular entre a vagina e o ânus) para ampliar o canal de parto. Um proc...
Como a Engenheria Elisângela virou a Doula Elis? Sou Elisângela, tenho 45 anos de idade e uma filha de 15, a Cecília. Vivi quase toda minha vida profissional cercada de números, adolescentes e crianç...
Meu “Diário Semanal” de gestação ̵... Oi gente, tudo na santa paz? Segue mais um capítulo do meu "Diário semanal de gestação" Quase lá! Essa semana teve mais um casamento, agora, de g...
Compartilhe:

2 respostas para “Minha barriga fica dura – O que é isso?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *